Buscar

Pesquisa aponta melhoria na saúde bucal de crianças gaúchas


Encontro Anual do Programa Sesc Sorrindo para o Futuro trouxe

dados e especialistas para debater o assunto em Porto Alegre, nesta terça-feira (26/03)

O Programa Sesc Sorrindo para o Futuro reuniu, nessa terça-feira (26/03), profissionais da área da saúde bucal de todo o RS, no Teatro do Sesc Centro, em Porto Alegre. Dados que mostram uma melhoria na saúde bucal de alunos das escolas públicas do Estado foram apresentados no encontro anual, que chegou a sua 14ª edição.

Da pesquisa divulgada, o destaque fica por conta da redução no número de dentes decíduos cariados (CEO-D): em 2017, o índice médio era de 1,86 por aluno. Já em 2018, diminuiu para 1,59. Em comparação com os dados de 2015, a redução chega a 33%. Participaram do Programa em 2018, um total de 184.546 mil alunos, de 206 municípios e 1.746 escolas. A gerente de saúde do Sesc/RS, Mari Estela Kenner destacou o engajamento dos municípios participantes e adianta que em 2019, o número de crianças atendidas será de 190 mil. “O Sorrindo cumpre a missão do Sesc de promover o bem-estar social, cuidar e fazer pessoas felizes. Esse resultado só é possível com a parceria das cidades e escolas promotoras de saúde, visando a qualidade de vida dos alunos”, ressalta.

Antes da apresentação dos resultados do Programa em 2018, o coordenador do Sorrindo para o Futuro no RS, Leandro Sapiro, salientou que hábitos e comportamentos têm repercussão em quem está próximo de nós e também na sociedade. “Tão importante quando tratar é cuidar. E o cuidado deve ser tomado também com as pessoas que estão saudáveis, para que permaneçam assim”, destacou. A ideia vai ao encontro do trabalho do Sorrindo para o Futuro: “O Programa beneficia alunos de forma direta e eles se tornam multiplicadores do conceito e assim, contribuem para a sociedade como um todo”, sublinhou.

O Prof. Dr. Carlos Alberto Feldens ministrou a palestra “Promovendo saúde bucal da criança: presente e futuro”. Ele destacou que a cárie é o problema que mais afeta a qualidade de vida de crianças de até 5 anos de idade. Segundo o professor, o resultado é por conta da “cultura do açúcar”, que inicia muito cedo na infância. “As experiências alimentares da infância influenciam no futuro do indivíduo”, salientou. A recomendação do especialista é que crianças não consumam o alimento antes de completar 2 anos. O caminho apontado por Feldens é o investimento em educação, para que os pais possam ter acesso a informações sobre o tema. “Além disso, também é preciso que haja uma redução de doces nos alimentos fornecidos pelas escolas e nos que são apresentados nas prateleiras dos supermercados, e também o aumento do preço das bebidas que tenham o ingrediente, como refrigerantes e sucos, nos postos”, aponta.

O Programa Sesc Sorrindo para o Futuro é pioneiro no Brasil e tem como objetivo melhorar o bem-estar das crianças a partir da formação de hábitos saudáveis. O projeto é realizado desde 2003 pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc em parceria com as Prefeituras Municipais e vem trabalhando na prevenção de fatores de risco comuns às doenças crônicas, estimulando a formação de escolas promotoras de saúde e gerando motivação e envolvimento da comunidade escolar.

O ano de 2018 teve a participação de 206 municípios de todo o Rio Grande do Sul. Durante o evento, foram reconhecidos os parceiros que melhor executaram o Programa Sesc Sorrindo para o Futuro ao longo do ano passado. São eles: Boa Vista do Incra,Mormaço e Vista Alegre do Prata (Categoria municípios com até 350 alunos); Tapera, Soledade e Tuparendi (Categoria municípios entre 351 até 1.000 alunos); e Nova Petrópolis, Farroupilha e Três de Maio (Categoria 1.001 alunos ou mais). Representantes de todas as cidades receberam troféus como homenagem ao trabalho realizado. As palestras “Como Viver 100 Anos” do Dr. Pedro Schestatsky, “Obesidade: a grande doença pediátrica do século XXI”, do Dr. Guilherme Guaragna Filho e a apresentação de cases de sucesso no Sorrindo Para o Futuro 2018 também foram destaque na programação.

Saúde Sesc – O Saúde Sesc – Uma Vida Melhor trata-se do conjunto de ações desenvolvidas pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc em prol da promoção de uma vida mais saudável para os gaúchos. Desde sua criação, o Sesc tem a saúde como uma de suas prioridades e por isso desenvolve atividades na área preventiva e curativa com iniciativas como o programa Sorrindo para o Futuro, Unidades Sesc de Saúde Preventiva e OdontoSesc, além dos consultórios odontológicos e dos Espaços Sesc + Saúde.

Foto: João Alves

...


© 2020 Rogerio Amaral

Desenvolvido por Ayesha Lebed | branding+design

  • Facebook
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram