Buscar

Olá, amigos!


Repercussão

Por circunstâncias que não cabem comentar, passei algum tempo sem escrever e retomo agora. Justamente após um clássico Gre-Nal que ganhou dimensão muito mais pelo vazamento do áudio do técnico Argel com um amigo (mui amigo) no whats app, do que por fatos do próprio clássico. Não que a “incontinência verbal” tenha sido decisiva para o resultado, mas impulsionou a repercussão. Se não, vejamos. Pelo jogo, a vitória, que foi do Grêmio poderia ter sido do Internacional. Ambas equipes tiveram chances de gol. No primeiro tempo, a superioridade foi gremista e, colorada no segundo. Sem desmerecer o triunfo, caso tivesse acontecido o empate, também estaria retratada a realidade da partida.

Campanha

O que “pega” mais para o lado do Internacional é ter conquistado apenas um ponto nos últimos quinze disputados. Essa rotina da derrota é que chama a atenção. Fosse alternando resultados bons e ruins, a campanha seria considerada normal. Basta notar que a diferença entre Grêmio e Internacional, excetuando-se o GreNal, é de somente um ponto. Não que esteja tudo certo, mas também não é um desespero. Algumas peças pontuais e fundamentais nos respectivos setores, estão aquém das necessidades do time. Talvez por que se espere delas, além de suas possibilidades. Sasha, Muriel, Fernando Bob deveriam ter revisada sua condição de titulares.


© 2020 Rogerio Amaral

Desenvolvido por Ayesha Lebed | branding+design

  • Facebook
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram