Buscar

Incompetência


Na noite de hoje poderíamos estar assistindo o Grêmio nas quartas-de-final da Libertadores da América. Em vez disso seremos obrigados (quem gosta de futebol, é claro) a ver São Paulo e Atlético Mineiro. Ou procurar um filme no Now ou uma série no Netflix. E o que me deixa, particularmente, indignado é que o Grêmio não está jogando por pura e única incompetência dele próprio Grêmio. Foi incompetente em avaliar tecnicamente a semifinal do campeonato Gaúcho e em se controlar emocionalmente diante do Rosário Central.

Bruxas

Foram muitos erros cometidos, desde o presidente até alguns jogadores dentro de campo. E não se enganem, não. Há de ser feita a “caça às bruxas”, sim. Tanto em atitudes, decisões quanto a nomes dos responsáveis pelos vexames. No departamento de futebol a espada degolou César Pacheco e Rui Costa. Sobrou uma sobrevida para o técnico Roger. Dos jogadores, uns três ou quatro têm de sair do time e do clube, porque jogador ruim acaba jogando. Aliás, como vimos. Mas, também, o presidente Romildo Bolzan Jr deve rever algumas manifestações públicas, que até podem repercutir bem para a torcida mas que geram desdobramentos contra o clube.

Resultado

A conquista pelo Internacional do campeonato Gaúcho, sagrando-se hexacampeão, tem todos os méritos. E dos intervenientes colorados nesse título, destaco o técnico Argel. Mesmo sofrendo críticas ao seu trabalho e comparações descabidas com o treinador gremista, em nenhum momento perdeu o foco, tanto quanto às diretrizes para o time, quanto ao relacionamento com a mídia. Além disso manteve a confiança dada, ainda no ano passado, para jogadores que estão longe de um primor técnico, mas que souberam dar uma resposta de aplicação a um sistema tático. Esquema esse, que pode não ser o mais virtuoso para o espetáculo mas que se mostrou o mais eficiente para o resultado. E o futebol, meus amigos, na síntese, no resumo e no final de tudo, é o resultado que conta.

Desafio

O Dia do Desafio 2016 está chegando e Porto Alegre competirá com Curitiba. O município que mobilizar mais pessoas no próximo dia 25 para realizar atividades físicas, ganha o confronto. O DDD é promovido no Estado pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc e nesta quinta, 12, acontece o lançamento no Sesc Campestre (Avenida Protásio Alves, 6220), a partir das 13h30. No evento, o bicampeão mundial de vôlei Maurício Lima estará presente para conversar com os convidados. Este ano, 490 cidades do RS aderiram ao DDD 2016. Em Porto Alegre, diversas atrações já estão confirmadas, como corrida noturna, alongamento, bubble soccer, jogos eletrônicos, parede de escalada, pista de velocidade, bicicleta com mapa do RS e brinquedos infláveis. O Sistema Fecomércio-RS/ Sesc realiza o projeto nas cidades gaúchas em parceria com as prefeituras e o Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Esporte e Lazer, desde 1997. Confira os demais confrontos saudáveis em www.sesc-rs.com.br/diadodesafio.


© 2020 Rogerio Amaral

Desenvolvido por Ayesha Lebed | branding+design

  • Facebook
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram